Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



friday ... BELIEVE you're gonna be mine!

by perplex3r, em 28.04.17

Why waste your time, you know you're gonna be mine

Português / Portuguese
Sexta-feira! Após aquele jantar a dois, em que o vinho tinto escolhido faz brilhar os teus olhos verdes, seguimos pela rua à procura de um espaço onde o nosso roleplay vai começar. Aproximo-me do bar e vejo que já começas a mexer o teu corpo no meio da pista, enquanto esperas que te traga um novo martini bem cheio. Trocamos olhares por entre a multidão, eu cheio de orgulho e desejo por estar contigo e tu, simplesmente, finges que não me conheces, que não te importas. Estamos a perder tempo com tudo isto, mas ambos sabemos onde queremos chegar dentro de umas horas, logo após te conquistar, ir ao teu encontro, simular ciúmes, morder a tua orelha e sussurrar-te o quanto te quero. 

Será num cenário de conquista como este que Believe se enquandra plenamente. É um single que resulta da colaboração entre Crystal Waters, Sted-E e Hybrid Heights e traz a 2017 uma sonoridade que junta I’m Gonna Get You (1993) de Bizzarre Inc e Love’s Gonna Get You (1985) de Jocelyn Brown com batidas sincopadas, rápidas e frescas. Para tornar o tema adequado a qualquer altura da noite e em qualquer club, existe um generoso número de remisturas, entre as quais Summa Swag de Stonebridge adicionadas a Paige, Tony Moran, Bissen e Kilø Shuhaibar num total de 10 versões possíveis.
O single chegou ao número 1 na US Club Songs Chart e, tal como ele, também tu podes alcançar o patamar máximo da tua conquista.Todos nós temos planos para a nossa vida e encontrar quem nos vai acordar todos os dias com um sorriso, trazer torradas para a cama, espalhar migalhas nos lençóis, tomar banho a dois debaixo do mesmo chuveiro e partilhar passeios e aventuras é um deles. Se ela/ele ainda não sabe e está entretido em joguinhos diz-lhe, com toda a convicção: Why Waste your Time, You Know Your Gonna Be Mine! Acredita (Believe) e assim será!

Bom fim de semana!

 

English / Inglês
Friday! After that dinner for two, when the red wine chosen makes your green eyes shine, we follow the street looking for a place where our role-play begins. I approach the bar and I see that you start to move your body in the middle of the dancefloor, while you wait for me to bring you a full glass of martini. We exchanged glances through the crowd, I am filled with pride and desire to be with you and you simply pretend that you do not know me, that you do not care. We're wasting time on all this, but we both know where we want to go in a few hours, right after conquering you, come to you, simulate jealousy, bite your ear and whisper to you how much I want you.
It will be in a scenario of conquest like this that Believe fully fits. It is a single that results from the collaboration between Crystal Waters, Sted-E and Hybrid Heights and brings to 2017 a sound that combines I'm Gonna Get You (1993) from Bizarre Inc and Love's Gonna Get You (1985) from Jocelyn Brown with syncopated, fast and fresh beats. To make the track suitable for any time of night and in any club, there is a generous number of remixes, including Summa Swag from Stonebridge added to Paige, Tony Moran, Bissen and Kilø Shuhaibar in a total of 10 possible versions.
The single reached  number 1 on the US Club Songs Chart and, like it, you can also reach the maximum level of your conquest. We all have plans for our life and find who will wake us every day with a smile, bring toasts to bed, spread crumbs on the sheets, have a shower together under the same shower and share rides and adventures is one of them. If  he/she still does not know and is entertained in games, tell him/her him, with all the conviction: Why Waste Your Time, You Know Your Gonna Be Mine! Believe and he/she will be!
Have a nice weekend!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

 

English

   
Português

I Didn’t Mean to Turn You On (2005) … you’re joking, for sure!

With sounds that perfume days with sun, beach and hot emotions, Colette, probably one of the most interesting American DJs unknown in Europe, has been building her long career, with 3 albums (two under OM Records), a Best Breakthrough DJ award and the nº1 iTunes album Hypnotized (2005).

When The Music’s Loud (2013) is the third album which has been inspired by the 80s sound, mixes these previous years’ tendencies of electro and deep house, in an 11-song-album that will put your iPod on “repeat”. And why? It’s almost Friday and with these gray days we all need that summer heat we have been missing. In those intense passion moments, the single Physically (2014) is highlighted by its deep sound and intense and sexy vocals (remixed by Late Night Alumni, on the single edition), released after the acclaimed Hotwire (2013), which reminds us the first time we’ve been in a disco back in 1989 and it is not less than an hymn to the moment when two bodies meet each other. The track Best Of Days speeds things up in the these chance meetings and brings with it the will to involve ourselves in an Oasis, where simplistic electronic allows us to contemplate a passionate sundown.

If you are looking for a calm weekend spent listening to the rain, forget this album … but if you’re looking for more than an hour of pleasure for your ears, followed by sensations under the sheets this is, without any question, the must have album.

To help you … here you have 7 of the 11 songs taken from the album for you to listen and download for free  … are you ready to be turned on?

 

 

 

I Didn’t Mean to Turn You On  (2005) … isso é a brincar, só pode!

Com sonoridades que perfumam os dias com sol, praia e emoções escaldantes, Colette, talvez uma das mais interessantes DJs americanas desconhecidas na Europa, foi construindo uma carreira já longa, com 3 álbums editados (dois pela OM Records), prémio de Best Breakthrough DJ e um número um no iTunes pelo álbum Hypnotized (2005).

When The Music’s Loud (2013) é o terceiro álbum que busca inspirações aos anos 80, mistura sons electro e deep house dos últimos anos, num conjunto de 11 canções que vão colocar o teu iPod em modo “repetição”. E porquê? É quase sexta-feira e com estes dias cinzentos precisamos de todo aquele calor de verão que está a fazer falta. Naqueles momentos de paixão intensa, o single Physically (2014) destaca-se pela sua sonoridade deep e vocais intensos e sensuais (remisturado por Late Night Alumni, na edição de single), precedendo o aclamado Hotwire (2013), que relembram as primeiras idas à discoteca em 1989 e que não é nada mais nada menos que um hino ao encontro entre dois corpos. O tema Best of Days acelera o passo nestes encontros fortuitos e traz com ele uma insaciável vontade de nos envolvermos num Oasis, onde numa simplicidade electrónica nos permite deslumbrar um pôr do sol apaixonante.

Se pretendem um fim de semana sossegado a ouvir a chuva, esqueçam este álbum … agora se buscam mais de uma hora de prazer para os vossos ouvidos, precedidos de sensações nos lençóis a dois este, é sem dúvida, o álbum para ouvirem.

E para ajudar … aqui estão sete dos 11 temas do álbum que podem ouvir e descarregar gratuitamente … are you ready to be turned on?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Robin S wants Luv 4 Luv in 2009

by perplex3r, em 16.08.09

 

English

   
Português

Show Me Love introduced Robin S to the world and the love anthem was followed by the release of Luv 4 Luv in 1993, also included on the album Show Me Love and remixed by Stonebridge.
After being revisited in 2002 by dj Tonka, Champion Records released new mixes for 2009 with versions more trance alike by Pagano, with classic house characteristics with breaks and pianos in the remix by Soulshaker, who has already released Shame Shame Shame with Cece Peniston and also the version by GRN, with strong and dark beats. What’s missing on this release? Stonebridge, as his version is still fresh and sassy and is able to offer great moments on the dancefloor.
After Show Me Love with Steve Angello and Laidback Luke and the collaboration with Alfred Azzetto on Near The Ocean (No Turning Back), Robin S is back to the best clubs, as her voice, her passion for music and her ability to offer memorable live performances are more than reasons to label her as a House Diva, like Lolleatta Holloway, Adeva and Jocelyn Brown.

 

 

 

 

Show Me Love introduziu ao mundo a voz da americana Robin S e após o hino de amor seguiu-se em 1993 a edição do single Luv 4 Luv também incluído no álbum Show Me Love e remisturado por Stonebridge.
Após ser revisitado em 2002 por dj Tonka, a Champion Records edita novas remisturas para 2009 com versões mais trance como a de Pagano, com características de classic house em que não faltam breaks e pianos na remistura de Soulshaker, que já editou Shame Shame Shame com Cece Peniston e ainda o remix de GRN, com batidas mais fortes e dark. O que falta nesta edição? Stonebridge, uma vez que a sua versão ainda continua fresca, actual e é capaz de oferecer grandes momentos nas pistas de dança.
Após Show Me Love com Steve Angello e Laidback Luke e a colaboração com Alfred Azzetto com Near The Ocean (No Turning Back), Robin S volta às melhores discotecas, pois a voz, a paixão pela música e a sua capacidade de proporcionar actuações ao vivo memoráveis, são mais do que razões para entender o facto de ser apelidada de House Diva e se juntar, assim, a Lolleatta Holloway, Adeva e Jocelyn Brown.

Tracklist:
1.
Luv 4 Luv Pagano Vocal Remix (7:20) Ouvir/Listen

2. Luv 4 Luv Pagano In London Dub (8:11)

3. Luv 4 Luv Soulshaker Remix (7:26) Ouvir/Listen

4. Luv 4 Luv GRN Club Mix (7:03) Ouvir/Listen

* Download @ Champion Records
Links refer to Champion Music Shop

Autoria e outros dados (tags, etc)

  
 

English

   
Português

Egocentric Youth is a trip to a prodigious electronic and egocentric world. Already released on Demo1 with a very peculiar remix name, DJ Matt Fatt Biggest Loser Mix, which is almost like a denial of the title of the track, now it is presented with a new and improved sound by IceSun.
The italian deejay accepted the challenge proposed by the American Hektor Thillet, who made available the accapella, and now we have the chance to listen to this fantastic electrohouse version. It has everything in it, rhythm, strong beats and great bass. However, like any other single release, it seems proper to have had a dub version, as the self absorbed lyrics might, for some, be considered too much.

 

 

Egocentric Youth é uma viagem ao mundo egocêntrico num enredo electrónico prodigioso. Já editado em Demo1 com uma remistura de nome bastante peculiar, DJ Matt Fatt Biggest Loser Mix, que é quase um contra-senso ao título da faixa, agora é apresentada uma nova roupagem por IceSun.
A deejay italiana aceitou o desafio proposto pelo americano Hektor Thillet, que disponibilizou o accapella, e agora temos a oportunidade de ouvir esta versão electrohouse fantástica. Esta tem tudo, ritmo, batidas fortes e uma fantástica bass. Contudo, e quase como em qualquer edição em single, parece que deveria existir uma versão dub, uma vez que a letra em volta do umbigo possa, para alguns, ser considerada excessiva.

Autoria e outros dados (tags, etc)

(Português/Portuguese)

O Rei da Pop como todos o conhecíamos, infelizmente, faleceu. Para todos aqueles que cresceram a ouvir o seu som único, que tentarem em casa fazer aquelas coreografias ao som dos discos dos pais, que ao longo destes anos não conseguiam resistir a Billie Jean e a Thriller nas discotecas, este é um momento triste.
Independentemente da sua vida privada, que neste momento não é aqui chamada, Michael Jackson, o maior ícon da Pop deixa-nos com um grande legado musical original e divertido de grande ostentação. Sem dúvida, uma das figuras marcantes das últimas décadas e, simultaneamente do século XX. Para recordar, a sua actuação ao vivo com Usher e Chris Tucker no fabuloso hit r’n’b You Rock My World.
 
(English/Inglês)
The King Of Pop that we all knew, sadly, passed away. For those who grew up listening to his unique sound; that tried to copy his dance moves while listening to the 12’’ albums from their parents and those who couldn’t resist to Billie Jean and Thriller every time they were played at the discos, this is a sad moment.
His private life is not here to be mentioned, as Michael Jackson, the biggest male Pop icon of all time leaves us with a huge, original, funny and ostentatious musical legacy. Without any doubt, he is one of the biggest persons of the last decades and, simultaneously, of the 20th century. To remember him, here is presented his live performance together with Usher and Chris Tucker of his fabulous r’n’b hit You Rock My World.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

note

(Português)
Devido à nova imagem do blog, todos os posts anteriores a 2017 podem surgir com formatação diferente. Um novo ano, uma nova vida, nova música, nova imagem!

(English)
Due to the new image, all posts prior to 2017 may come up with a different format. A new year, a new life, new music and new image!



@bout me

foto do autor


back to music & Spotify

Subscreve/Subscribe Playlist

Back to Music,Love & Lifestyle on Spotify!


Passatempo


back to music & the web


Thank You's

 

Sapo Destaques - 27.04.17

Sapo Destaques - 16.04.17

 

 





back to music & love

Follow

subscrever feeds