Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



dreams ... they can come true, sem planos!

by perplex3r, em 29.03.21

Praia da Barrinha de Esmoriz (Foto Original)

(Português/Portuguese)

O início da semana é sempre uma página em branco, um livro pronto para ser escrito ou um caminho pronto para receber as nossas pegadas, por vezes, desalinhadas ou sem sentido. Será por isso que deambular pela vida é, por vezes, tão interessante como seguir em linha recta até a um objectivo?

Gabrielle traz com Dreams (#2 UK Single Charts), uma mensagem de que tudo o que queremos pode acontecer, pode ser trazido até nós, desde que tenhamos a coragem de dizer o que sentimos, mesmo que seja um talvez, uma incerteza. Afinal, é para isso que a esperança existe, encontramos aqueles olhos que nos apaixonam e nos agarram por uma eternidade. Não somos todos iguais, e Find Your Way, o título deste álbum, é uma mensagem que os caminhos se cruzam, se separam e, quem sabe, mais tarde, quando menos esperamos, se voltam a juntar por breves momentos de saudosismo. Assim, a primeira faixa do álbum Going Nowhere foi a primeira pegada na praia .... agora, sem planos, aproveitamos esta mistura de pop e acústica, com uma voz peculiar para deixarmos os planos de lado e vivermos o momento.

Pronto para decidir a tua direcção?

(English/Inglês)

The beginning of the week is always a blank page, a book ready to be written or a path ready to receive our footprints, sometimes misaligned or meaningless. Is that why walking around life is sometimes as interesting as going straight to an objective?

Gabrielle brings with Dreams (# 2 UK Single Charts), a message that everything we want can happen, it can be brought to us, as long as we have the courage to say what we feel, even if it is a maybe, an uncertainty. After all, that's what hope exists for, we find those eyes that we fall in love with and hold us for eternity. We are not all the same, and Find Your Way, the title of this album, is a message that paths do cross with each other, go separate ways and, who knows, later, when we least expect it, they come together again for brief moments of nostalgia. So, the first track on album is Going Nowhere album was the first footprint on the beach .... now, without plans, we took advantage of this mix of pop and acoustic, with a peculiar voice to put aside plans and live the moment.

Ready to decide your direction?

Autoria e outros dados (tags, etc)

published at 20:21

Frühling ... primavera melancólica!

by perplex3r, em 22.03.21

2raumwohnung

Português/Portuguese

Este T2 (significado de 2Raumwohnung) abre as suas janelas para deixar entrar o sol ainda frio das primeiras manhãs de primavera, aquecendo a alma com a mistura de instrumentos clássicos e de melodias bossa nova no álbum Melancolish Schön

Bossa nova em alemão? Sim. Derrubamos preconceitos sobre uma língua que deixa de ser sentida como áspera, fria e distante, que traz uma alegria melancólica da primavera que ainda mal começou, tal como devemos fazer todos os dias. As nossas relações começam pela manhã, e podemos não entender totalmente o outro, as suas atitudes ou, até mesmo o seu olhar, mas se escutarmos atentamente, podemos sentir o que nos está a dizer, até sem palavras.

Assim, mesmo para quem não compreende a língua das declinações, das palavras longas e de letras maiúsculas no meio da frase, Wir trafen uns in einem Garten transporta qualquer um para aquele banco de jardim, em que estamos com um sorriso e uma leve brisa nos cabelos e não conseguimos explicar porque estamos apaixonados. Spiel Mit, diz-nos isso mesmo, basta um olhar para lermos a mente um do outro e, sabermos, o quanto nos queremos tocar e aproximar, debaixo da árvore desse jardim. Quantas sensações este álbum acústico desta banda electrónica consegue trazer, apesar de editado em 2005, tudo pela doçura vocal de Inge Humpe e instrumentalizado por Tommi Eckard. Poético!

O álbum termina a viagem com Liebe (Amor), o cupido que a Primavera traz para ver se, será desta, depois de um confinamento físico e mental, nos deixamos todos, gradualmente, apaixonar uns pelos outros, mesmo quando a nossa língua não tem os mesmos termos, a nossa cor é diferente e, os nossos  projectos não se cruzam.

Happy Spring!

 

English/Inglês

This 2 bedroom apartment (meaning of 2Raumwohnung) opens its windows to let in the still cold sun of the first spring mornings, warming your soul with the a mixture of classic instruments and bossa nova melodies on the album Melancolish Schön.

Bossa nova in German? Yes. We break down prejudices about a language that is no longer felt as harsh, cold and distant, that brings a melancholy joy of spring that has barely begun, just as we must do every day. Our relationships start in the morning, and we may not fully understand the other person, his attitudes or even his gaze, but if we listen carefully, we can feel what he is saying, even without words.

So, even for those who do not understand the language of declensions, long words and capital letters in the middle of the sentences, Wir trafen uns in einem Garten transports anyone to that garden bench, where we are with a smile and a light breeze through the  hair and we can’t explain why we’re in love. Spiel Mit, tell us that, just one look is enough to read each other's minds and knowing how much we want to touch each other and get closer, under a tree of that garden. How many sensations this acoustic album by this electronic band can bring, despite being released in 2005, all due to the vocal sweetness of Inge Humpe and instrumentalized by Tommi Eckard. Poetic!

The album ends the trip with Liebe (Love), the cupid that Spring brings to see if, after this physical and mental confinement, it will be like this, we gradually let ourselves fall in love with each other, even when our language doesn't have the same terms, our color is different and our projects do not intersect.

Happy Spring!

Autoria e outros dados (tags, etc)

published at 18:24

(k7 sounds) ... fitas com história(s)!

by perplex3r, em 12.03.21

K7 Sounds

Português/Portuguese

Lou Ottens (1926-2021), faleceu esta semana. O inventor da cassete é culpado pelo esbanjar de mesadas em fitas cheias de música alegre, triste, com mais ou menos qualidade (se olharmos para essas edições aos olhos de hoje), que serviram para abrilhantar as festas de garagem, as caminhadas com o nosso walkman, as viagens longas até ao Algarve e, mais que isso, levou gerações a perderem horas infindáveis a gravar aquelas MixTapes especialmente concebidas para os nossos amigos. Depois, com todo aquele orgulho visível nos nossos olhos, entregávamos a playlist escrita à mão e, com um grande sorriso, dizíamos: Gravei a pensar em ti!

Anos volvidos, e saudosismos à parte, o Lado A sempre se sobrepôs ao Lado B destas compilações. Todos sabemos que as melhores canções (ou aquelas que gostamos mais) estão logo no início da fita. Talvez por isso, quando construímos uma compilação, a nossa criatividade, bom gosto, esforço e empenho se vão atenuando ao longo da longa fita de 30 minutos ... às vezes queremos apenas preencher aqueles minutos finais só para, imagine-se, não ficarmos com a sensação de que nada fizemos ou dissémos...é para isso que serve o Lado B?

Ainda continuamos a gravar histórias em fitas que se vão partindo, colando e, por vezes, deteorando com o tempo, mas como estamos no melhor dia da semana, não podemos terminar como se estivéssemos com as pilhas Duracell no fim e a nossa festa a terminar...Afinal de contas, podemos sempre fazer rewind e gravar por cima, não é verdade? Uma coisa é certa, não podemos é estar em pause até que aquela música que nos enche o coração passe na rádio para a gravarmos religiosamente ... Levanta-te, escolhe a tua bebida favorita e press play ... hoje vais viajar no tempo a sorrir!
Happy Friday! 

 

English/Inglês

Lou Ottens (1926-2021), passed away this week. The inventor of the cassette is to blame for the waste of pocket money on tapes full of happy or sad music, with more or less quality (if we look at these editions in the eyes of today), which were used to brighten up garage parties, walks with our walkman, long trips to the Algarve and, above that, it led us losing endless hours recording those MixTapes specially for our friends. Then, with all that pride visible in our eyes, we handed out a handwritten playlist and, with a big smile, we said: I recorded this tape thinking about you!

Years later, and nostalgia aside, Side A has always overlapped Side B of these compilations. We all know that the best songs (or the ones we like the most) are right at the beginning of the tape. Maybe that's why, when we build a compilation, our creativity, good taste, effort and commitment are attenuated over the long 30-minute tape ... sometimes we just want to fill those final minutes just to, imagine, not to get the feeling that we didn't do or say anything ... is that what Side B is for?

We still continue to record stories on tapes that break, glue back together and sometimes degrade over time, but as we are on the best day of the week, we cannot end as if we were with the Duracell batteries at the end and our party ending ... After all, we can always rewind and record all over again, right? One thing is for sure, we cannot be on pause until that song that fills our hearts is played on the radio for us to record it religiously ... Get up, choose your favorite drink and press play ... today you will travel back in time smiling!

Happy Friday! 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

published at 18:44

(vinyl) sounds ... a nossa kitchen disco!

by perplex3r, em 05.03.21

Songs From The Kitchen Disco

Português/ Portuguese

Quando não pudemos ir até à disco, o nosso santuário de sexta-feira à noite, ela vem até nós, cheia de bolas de cristal, correrias desenfreadas, sorrisos, boa disposição e música para nos fazer cantarolar. 

Esta premissa levou Sophie Ellis-Bextor, durante o primeiro confinamento, a abrir a Kitchen Disco, religiosamente, todas as sextas. Estávamos perante um momento descontraído cheio de músicas originais e alguns covers, em que a família participava nos directos do Instagram ... tal sucesso, conduziu a esta edição especial de Songs From The Kitchen Disco, uma espécie de best of da sua longa carreira que, após a sua passagem pela banda indie The Audience, a música de dança lhe deu o verdadeiro valor quando assinou Groovejet (If This Ain't Love) com dj Spiller e levou o single a número 1 no Reino Unido.

Na cozinha, talvez, seja o local do início da nossa sexta-feira, quando deixamos o nosso computador a despedir-se da semana na sala, abrimos a nossa primeira garrafa e nos mimamos com uma entrega da Uber Eats. Vamos buscar a lâmpada colorida que comprámos para a passagem d'ano, colocamos a agulha no disco azul e o volume no máximo. Take Me Home torna-se descontextualizado, dado este distânciamento social que temos que seguir, mas revela aqueles namoricos de fim de semana durante adolescência, tal como Heartbreak (Make Me a Dancer) com os FreemasonsCrying At The Discotheque, vai trazer recordações e memórias inesquecíveis que queremos tanto repetir depois de uma viagem por 20 temas que vão desde a música house, dance, pop e chegam aos sons kitsch dos anos 80.

Até colocar-mos o Lado D desta longa compilação, enchemos a sala de cores, de video chamadas com amigos e abrimos a nossa ______ (preencher com um número) garrafa. Take me (out of) home .....mas até lá, encontramo-nos na pista de dança que fica entre a mesa de jantar e aquele móvel que não conseguimos trocar a tempo no Ikea. Será que iremos ter Murder On The Dancefloor com aquele dedo do pé? Vamos ver ...

Happy Friday!

English/Inglês

When we were unable to go to the disco, our Friday night sanctuary, it comes to us, full of crystal balls, runaways, smiles, good mood and music to make us sing along.

This premise led Sophie Ellis-Bextor, during the first confinement, to open the Kitchen Disco, religiously, every Friday. We were facing a relaxed moment full of original songs and some covers, in which the family participated in the Instagram stories ... such success, led to this special edition of Songs From The Kitchen Disco, a kind of best of her long career that, after her stint with the indie band The Audience, dance music gave her true value when she signed Groovejet (If This Ain't Love) with dj Spiller and took the single to number 1 in the UK. 

The kitchen is, perhaps, where we start our Friday, when we leave our computer saying goodbye to the week in the living room, we open our first bottle and treat ourselves with a delivery from Uber Eats. Let's get the colored lamp that we bought for New Year's, put the needle on the blue disk and the volume at its maximum. Take Me Home becomes out of context, given this social distance that we have to follow, but it reveals those weekend flirtations during adolescence, such as Heartbreak (Make Me a Dancer) with the Freemasons. Crying At The Discotheque, will bring unforgettable memories and memories that we want to repeat after a trip through 20 songs that range from house music, dance, pop and reach the kitsch sounds of the 80s. 

Until we put Side D of this long compilation, we fill the room with colors, with video calls with friends and opened our ______ (fill with a number) bottle. Take me (out of) home ..... but until then, we find ourselves on the dance floor between the dining table and that piece of furniture that we were unable to change in time at Ikea. Will we have Murder On The Dancefloor with that toe? We will find out ... 

Happy Friday!

Autoria e outros dados (tags, etc)

published at 20:25

love the 90s - Back To Music,Love & Lifestyle

Português/Portuguese
Sexta-feira ... quase 24 horas antes da maior festa dos anos 90 da Península Ibérica - Love the 90s Madrid. Ainda não haverá muito a dizer, estamos ansiosos, porque sabemos que vamos estar com mais de 16 mil pessoas a viajar pelo tempo. Momentos puros de nostalgia estão a surgir, tal como aqueles que estão presentes neste video e, por isso, já temos a máquina fotográfica com os rolos preparados, os walkmans, as cassettes, as calças de ganga rasgadas, os neons e os discos - e a mala está quase pronta! Já tínhamos tudo delineado quando falámos sobre este evento neste blog a 23 de março e, por isso, tirámos o pó ao vinil e às cassetes para podermos relembrar em analógico a tecnologia da época e as letras das canções. 
Amanhã, dia 13 de maio, se o Festival da Canção é demasiado moderno e a visita do Papa demasiado religiosa para ti, viaja pela década de 90 com os directos do Back To Music,Love & Lifestyle pelo InstagramFacebook porque prometemos uma cobertura do evento passo a passo, música para a geração dos primeiros GameBoys e recordações do liceu... Aliás, é Saturday Night and not one minute we can lose (Whigfield, Saturday Night,1994).
Are you ready for this? (2Unlimited, Are You Ready For This,1992)

English/Inglês
Friday ... almost 24 hours before the biggest party of the 90s of the Iberian Peninsula - Love the 90s Madrid. There is still not much to say, we are anxious because we know we will be with more than 16 thousand people traveling through time. Pure moments of nostalgia are emerging, just like the ones in this video, so we already have the camera with the film prepared, the walkmans, the cassettes, the torned jeans, the neons and the vinyl - and the bag is almost ready! We already had everything outlined when we talked about this event in this blog on March 23 and, therefore, we took the dust out of the vinyl and the cassettes so that we can remember the analogical technology of that time and the lyrics.
Tomorrow, May 13, if Eurovision is too modern and the Pope's visit too religious for you, travel through the 90's with Back To Music, Love & Lifestyle live through Instagram and Facebook because we promise to cover the event step-by-step, music for the generation of the first GameBoys and high school memories. After all, it’s Saturday Night and not one minute we can lose (Whigfield, Saturday Night,1994)
Are you ready for this? (2Unlimited, Are You Ready For This, 1992)

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

published at 14:02

note

(Português)
Devido à nova imagem do blog, todos os posts anteriores a 2017 podem surgir com formatação diferente. Um novo ano, uma nova vida, nova música, nova imagem!

(English)
Due to the new image, all posts prior to 2017 may come up with a different format. A new year, a new life, new music and new image!



@bout me

foto do autor


text me

Tradutor/Translator


back to music & Spotify

Subscreve/Subscribe Playlist

Back to Music,Love & Lifestyle on Spotify!




Thank You's

 

Sapo Destaques - 27.04.17

Sapo Destaques - 16.04.17

 

 

158228775_799677383988548_6468362411738584546_n.jp




Blogs Portugal

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.