Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



2009 Summer Anthems Countdown (#14)

by perplex3r, em 08.08.09

 

English

   
Português

One of the best colaboration from 2007 between the dannish singer Ida Corr  and the dutch deejay Fedde le Grand. Let Me Think About  is hot, fresh and a fantastic track for a hot summer night in an open air party!

 

 

Uma das melhores colaborações de 2007 entre a dinamarquesa Ida Corr e o deejay holandês Fedde Le Grand. Let Me Think About It é quente, fresco e uma fantástica faixa para uma festa ao ar livre numa noite quente de verão!

 

15. Paul Johnson - Get Get Down

16. Shakedown - At Night

17. Smoke City - Underwater Love

18. Masters At Work feat. India - To Be In Love

19. Dario G - Sunchyme

20. De'Lacy - Hideaway (Deep Dish 7'' Mix)

21. Modjo - Chillin'

 22. ATB - The Summer
23.Shaft - Sway (Mucho Mambo)
24. Mylo - In My Arms
25. Tim Deluxe feat. Sam Obernik - It Just Won't Do
26. Dr. Motte & Westbam - Love Parade: One World, One Future
27. Crystal Waters - The Boy Of Ipanema
28. T-Spoon - Sex On The Beach
29. 2 Eivissa - Oh La La La
30. Sunfreakz feat. Andrea Britton - Counting Down The Days (Axwell Edit)

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

English

   
Português

Clear the doubts you might have as this Portuguese production came to stay through the whole Summer of 2009. Selfish Love is a result of the collaboration between Pedro Cazanova and Andrea, an ex-member of the group Non Stop, who ended for the sake of our ears. Although it has curious lyrics and the melody stays in your mind for hours, one cannot call it the best Portuguese production ever. For those who forgot, Delicado came with better and more daring productions, namely the fantastic Light Up (My Cigarette) with Kikka Santos’s voice and also with the not less known The Sound Of Fashion. We also had the opportunity to listen the Elektro Parade anthem On Your Deep Inside by Maurell & Favrelle, So Get Up by Underground Sound Of Lisbon, and also Touch Me by Rui da Silva which went to become a nº1 in the UK Singles Charts.
Is the video, the accent or the soft house beat the problem with Selfish Love? Apparently, it isn’t, as Kontor Records, which releases ATB, Fedde Le Grand and Masters At Work tracks, released the track in Germany.
Therefore, is it too selfish (just) to consider this the best Portuguese dance release of 2009? For those who like happy songs with significant lyrics, which is the case, we can answer no to this question!


 

 

 

 

Dissipem-se as dúvidas que esta produção portuguesa veio para ficar neste Verão de 2009. Selfish Love é o resultado da colaboração de Pedro Cazanova e Andrea, das antigas Non Stop que, para o bem-estar dos nossos ouvidos, acabaram. Apesar de ter uma letra bastante curiosa e da melodia ficar nos ouvidos horas a fio, não lhe podemos chamar a melhor produção electrónica portuguesa. Para os mais esquecidos, os Delicado já aí estiveram com melhores e mais ousadas produções, nomeadamente o fantástico Light Up (My Cigarette) com a voz de Kikka Santos e o não menos famoso The Sound Of Fashion. Também tivemos a oportunidade de ouvir o hino da Elektro Parade On Your Deep Inside de Maurell & Favrelle, So Get Up dos Underground Sound Of Lisbon, ou ainda mesmo Touch Me de Rui da Silva que atingiu nº1 nos U.K. Singles Charts.
O problema de Selfish Love talvez resida apenas no vídeo, no sotaque e na batidinha house fraquinha, ou não? Aparentemente, a Kontor Records, que edita ATB, Fedde Le Grand e Masters At Work, não achou e assinou também a sua edição em terras germânicas.
Sendo assim, será então demasiado selfish considerar (apenas) esta a melhor edição de dança portuguesa de 2009? Para os amantes de música house alegre com letras com sentido, que é este o caso, consideramos que não!

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Back To Basic Weekly Chart #2

by perplex3r, em 18.02.08

 

(Português/Portuguese)

Esta semana Uninvited dos Freemasons com Bailey Tzuke conquista pela primeira vez a primeira posição, descendo para segundo lugar Counting Down the Days do fantástico projecto belga Soundfreakz. Para além disso, há que registar a saída de Noferini com ´Till You Come Back to Me e de Peter Gelderblom, entrando a remistura de Roger Sanchez do grande tema de 1994, já remisturado um sem número de vezes: Push The Feeling On dos Nightcrawlers. Imogen Heap sobe duas posições para o número 8, e com o seu novo o seu mais recente single, Robyn surge no número 9 com Be Mine, mais um single que esteve no Top 10 no Reino Unido. Para além disso, há que registar aqui o novo single de Duffy, que já foi anunciado anteriormente neste blog, que entra no número 7.
Percorram a praia, as ruas cheias de trânsito ou o simplesmente ouçam estas sugestões enquanto arrumam o quarto!

(English/Inglês)

Uninvited from the Freemansons featuring Bailey Tzuke gets number one this week, while Counting Down The Days from the fantastic Belgian project Soundfreakz drop to number 2. Also, one should notice that Noferini with ‘Till You Come Back to Me and Peter Gelderblom fell off the chart, making the Roger Sanchez remix from the 1994 track Push The Feeling On from the Nightcrawlers enter the chart. Imogen Heap climbs 2 places to number 8, and with her latest single Be Mine, Robyn appears on number 9. Also, one should notice the fact that Duffy enters this week at 7, after being presented here on a previous post.
Listen to these suggestions while you walk on the beach or, are in a traffic jam or while you clean your room!

Autoria e outros dados (tags, etc)

What Planet U On Luciana?

by perplex3r, em 22.11.07

 (Português/Portuguese)
Yeah Yeah é ainda um club hit dos Bodyrox  em todas as discotecas desde que atingiu número 2 na tabela de vendas no Reino Unido em Dezembro do ano passado. Mas quem são os Bodyrox? Bem, a questão nem é assim muito importante, mas se o nome Full Intention vos diz alguma coisa, sabem que Jon Pearn faz parte desse mesmo grupo. A outra metade dos Bodyrox é Nick Bridges e voz é de Luciana Caporaso, alvo já de um post aqui no blog. Depois de colaborações com Martijn Ten Velden e Super Mal, Luciana Caporaso volta a juntar-se com os Bodyrox para um outro puro e excêntrico single chamado What Planet U On. Back to Basic já havia anunciado este single que já atingiu número um na Music Week Coolcuts Chart e na DMC Buzz Chart. Um vídeo espectacular em que Luciana brilha como uma estrela e um tema que obriga as perninhas a mexerem-se sem parar, pois o som electrónico inconfundível dos Bodyrox e a voz rock de Luciana são uma combinação perfeita.  A questão agora é: Será que What Planet U On irá superar Yeah Yeah? Até sabermos isso, vamos lá dançar...e esperar pelo próxima colaboração de Luciana com Fedde Le Grand, tal como aconteceu com Camille Jones e Ida Corr.
 
 (English/Inglês)
Yeah Yeah is still an huge Bodyrox club hit since it was released in the UK and achieved number 2 in the Sales charts. But who is Bodyrox? Well, this question is irrelevant, but if you remember Full Intention, you might know that Jon Pearn is part of that group. The other half of Bodyrox is Nick Bridges and  Luciana Caporaso gives her voice to the project and this blog already made a comment on her. After collaborating with Martijn Ten Velden and Super Mal, Luciana Caporaso is back again with Bodyrox for another pure and eccentric single called What Planet U On. Back to Basic has previously announced this single that is already number 1 in the Music Week Coolcuts Charts and in the DMC Buzz Chart. The video, in which  Luciana shines like a star, is amazing, and the song makes you shake your legs non-stop, as the electronic sound from Bodyrox and the rock voice of Luciana is the perfect combination.
Now the main question is: Will What Planet U On do better in the charts than Yeah Yeah? Until we know that, let’s dance and wait for the colaboration between Luciana and Fedde Le Grand, as it happened with Camille Jones and Ida Corr.
 
 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Fedde Le Grand vs. Camille Jones

(Português/Portuguese)

Camille Jones nasceu em 1974 e é uma pop star oriunda da Dinamarca. Até ao presente ano editou 3 álbuns, sendo os dois primeiros denominados Daddy Would Say no ano 2000 e Surrender pela Offbeat Records no ano 2004. No decorrer do ano 2006 reedita internacionalmente este último na A:larm Music. O single de promoção foi, claro está, The Creeps reeditado com a remistura de Fedde Le Grand. Fedde fez um bom trabalho ao dar à música o seu cunho pessoal, fazendo com que a mesma fosse mais apropriada para ser passada nas rádios e discotecas. Contudo na batalha entre Camille e Fedde ganha a versão original, embora a remistura tenha tido mais sucesso (a prova disso é o single ter chegado ao Top 10 no Reino Unido, mais propriamente não número 7 da Tabela), pois a versão original é mais underground, mais pesada. Para além disso, até mesmo os vídeos diferem ganhando, mais uma vez, o vídeo da versão do álbum pela sua originalidade e realmente horripilante (The Creeps).

Traduzindo isto tudo em estrelas temos que atribuir 4 para a versão original e 3 para a remistura de Fedde Le Grand.

(English/Inglês)

Camille Jones was born in 1974 and is a Danish pop star. Until today she has released 3 albums namely Daddy Would Say in 2000 and Surrender in 2004, both on Offbeat Records. During 2006 the album Surrender is re-relesed internationally on A:larm Music. The first single was, obviously, The Creeps re-released with Fedde Le Grand remix. Fedde did do a great job remixing the track, turning it suitable for airplay and for the clubs but in the battle between Camille and Fedde the original version wins, although the remix was more successful (the proof of that is the fact that the remix version reached nº7 in the UK sales charts). The original version wins also because it is more original, more underground and heavier and also due to the fact that the video is more original and it really gives me The Creeps.

Translating this into a stars or points, we have to give 4 to the original version and 3 to Fedde Le Grand’s remix.

 

 


 

Fedde Le Grand vs. Ida Corr

(Português/Portuguese)

Ida Corr também é uma cantora oriunda da Dinamarca (se calhar o nosso amigo Fedde tem a sua preferência por este país…ou pelas vozes que de lá vêem). Até hoje editou um álbum denominado Streetdiva em 2005 mas ganhou popularidade internacional no Live Earth ao cantar o tema Mirror 07-07-07 exactamente aos sete minutos depois da sétima hora do sétimo dia do sétimo mês de 2007…curioso, não? Depois disso aliou-se a Fedde Le Grand para editar o seu novo single.

O single Let Me Think About It é original, fabuloso e entra facilmente na cabeça, o que dá vontade de o estar a cantarolar pelo dia fora. Para além de remisturar o single, Fedde Le Grand dá a voz e também a cara no vídeo, cujos tons roxos e cor-de-rosa são giríssimos e sexy nas meninas de óculos de sol a tocarem trompete. Não é preciso pensar muito sobre o facto de o single, mesmo antes de ser editado, ser já um sucesso nos canais de música como Flaunt, pois este ganha em relação à versão remisturada de The Creeps.

Nas estrelas, não se pode dar menos do que 4 a este que irá ser, sem dúvida, o som até ao final do ano nas discotecas, nas rádios…e nos leitores portáteis.

(English/Inglês)

Ida Corr also comes from Denmark (perhaps our friend Fedde has some preference for this country…or the voices the came from there). Until the present day she has released one album called Streetdiva in 2005 but she achieved international success when she sung the song Mirror 07-07-07 during the Live Earth exactly seven minutes past the seventh hour of the seventh day of the seventh month of 2007… Is it curious,isn’t it? After that she joins Fedde Le Grand for her new single.

The single Let Me Think About It is original, fabulous and very catchy, which makes us sing it all day long. Fedde Le Grand also gives his voice and appears on the video, whose purple and pink colours on the cute girls wearing sunglasesses and playing trumpet are cute and sexy. We don’t have to think too much about the fact that the single is already a success on every music channel like Flaunt even before its release, because this one wins the battle against the remix version of The Creeps.

As far as stars are concerned we cannot give less than 4 to this single, which will be until the end of the year, without any doubt, the sound on every club and radio….and in portbale mp3 players.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

note

(Português)
Devido à nova imagem do blog, todos os posts anteriores a 2017 podem surgir com formatação diferente. Um novo ano, uma nova vida, nova música, nova imagem!

(English)
Due to the new image, all posts prior to 2017 may come up with a different format. A new year, a new life, new music and new image!



@bout me

foto do autor


back to music & Spotify

Subscreve/Subscribe Playlist

Back to Music,Love & Lifestyle on Spotify!


Thank You's

 

Sapo Destaques - 27.04.17

Sapo Destaques - 16.04.17