Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



have fun with the Ironik Tiny Dancer!

by perplex3r, em 19.05.09


(Português/Portuguese)

A vida, por vezes, convém que não seja perfeita ou, até mesmo, cheia de estilo. Assim, podemos sempre ouvir, dizer e vestir o que nos apetecer naqueles dias em colocamos sem segundo plano tudo e todos.
No que se refere à música, o mesmo se aplica! Elton John, o senhor da música pop das últimas décadas, permitiu que Tiny Dancer (single de 1972 ) fosse apresentado às novas gerações por Ironik e Chipmunk. Ora, a versão original de 2009 é um tanto ao quanto capaz de encher uma festa colorida de liceu, enquanto a remistura de D’Cruz e Paul Emanuel (que já remisturou Late Night Alumni), pelo menos, tem a decência de alegrar quem anda deprimido.
Por isso, e só por isso mesmo, o novo pequeno bailarino (Tiny Dancer) é apresentado aqui…ou não estivéssemos todos já a contar os dias para o fim-de-semana e a precisar de um sing-a-long divertido e (um pouco) libidinoso! Libidinoso?
A explicação está no vídeo!

(English/Inglês)
Sometimes, life shouldn’t be perfect or stylish. Thus, we can always listen, say and wear what we want and put everything and everyone in second place. As far music is concerned, the same thing is applied! Elton John, the pop Sir of the last decades, allowed Tiny Dancer to be introduced to new generations by Ironik and Chipmunk. However, the original 2009 version is capable of filling a colorful high school party, while the remix by D’Cruz and Paul Emanuel (who already remixed Late Night Alumni ) have the decency of cheering up those who feel depressed.
For that reason, and only because of that, the new Tiny Dancer is featured here…as we are all counting down the days for the weekend we all need a funny and (a little bit) libidinous sing-a-long! Libidinous? The explanation is in the video!

</script>

Autoria e outros dados (tags, etc)

published at 19:59

Calvin Harris...is not alone!

by perplex3r, em 11.05.09

 

(Português/Portuguese)
Em 2007 Calvin Harris orgulhosamente disse I Created Disco e todos os cépticos ficaram rendidos à sua capacidade criativa de associar as batidas de anos 80, com a electrónica de hoje. Por isso mesmo, colaborou com Kylie Minogue, Sophie Ellis Bextor e remisturou Ting Tings, Kaiser Chiefs, All Saints entre outros.
Agora, em 2009, ele volta a surpreender tudo e todos com I’m Not Alone, o último single que atingiu, durante duas semanas, o nº1 no Reino Unido e serve de introdução ao segundo álbum ainda não editado. I’m Not Alone prova que a essência electrónica dançável pode ser divertida e, simultaneamente, há quem afirme que o single representa uma volta aos últimos anos da década de 90. Contudo, ninguém poderá considerar esta produção fora de moda, uma vez que existem, para além da versão original, remisturas fabulosas de TiestoDeadmau5 e Hervé.
Iremos então saber o que é não ficar só? Talvez, se a resposta a “Can you stay up for the weekend” for positiva…e porque não será?! Como ainda é segunda-feira, divirtam-se com o fabuloso vídeo do single, um tanto ao quanto Frankenstein, e preocupem-se com a companhia de fim-de-semana daqui a alguns dias!


(English/Inglês)

In 2007 Calvin Harris proudly announced I Created Disco and all the skeptical people surrendered to his creative capacity of mixing late 80’s beats with today’s electronic sounds. That is the reason why he collaborated with Kylie Minogue, Sophie Ellis Bextor and remixed, among other, Ting Tings, Kaiser Chiefs and All Saints.
Now, in 2009, he surprises all of us with I’m Not Alone, the latest single that got into the number 1 position in the UK Singles Charts and is the introduction to his new (unreleased) album. I’m Not Alone proves that the essence of the electronic music can be fun and, at the same time, there are some that consider this single as a turn back into the late 90’s. However this production is not dated as it not only has the great original versions but also fabulous remixes from Tiesto, Deadmau5 and Hervé.
Will we know what it is to be alone? Maybe, if the answer to question “Can you stay up for the weekend” is negative. It is only Monday today so, have fun with the Frankestein(ish) video and think about your company for the weekend in a few days.
</script>

Autoria e outros dados (tags, etc)

published at 18:55

I'm Covered In Punk! Viva la Difference!

by perplex3r, em 08.09.08


(Português/Portuguese)

Portobella é nome da banda que juntou Michael Gray com a indescritível Luciana Caporaso, a voz por detrás dos melhores hits da dança dos últimos tempos, como Yeah Yeah e What Planet You On dos Bodyrox, Bigger Than Big com os Super Mal, I Wish You Would com Martjin Ten Velden, entre outros.
…Featuring Luciana, o álbum que tem tido bastante sucessos nas Download Charts, bem poderia ter um pouco de mais temas da banda que, sem a sua existência, não teria trazido Luciana ao patamar das melhores revelações dos anos 2000. Covered In Punk é, sem usar qualquer referência musical, um hino pop e rock que nos transporta para momentos em que o brit pop parecia estar estagnado, para além de nos oferecer uma visão criativa e divertida da vida. Desta forma, o promo álbum não poderia ter melhor título que Viva La Difference, porque a vida é isso mesmo, uma celebração de diferenças.
Estaremos aqui a celebrar a diferença de duas pessoas num romance de Verão que, desta vez, parece estar a começar a dar frutos? Parece que sim, já passámos por fotografias com Julee Cruise, por momentos introspectivos com Gaelle e festas com Fierce Angels e, agora, só falta mesmo o início de um grande sorriso colorido para alegrar o Outono que aí vem!
 
(English/Inglês)
Portobella is the name of the band that joined Michael Gray together with the unspeakable Luciana Caporaso, the voice behind some of the best dance hits of the decade, like Yeah Yeah and What Planet You On with Bodyrox, Bigger Than Big with Super Mal, I Wish You Would with Martijn Ten Velden, among others.
…Featuring Luciana, the album that has been quite successful in the Download Charts, could have had a few more tracks from this band, without which Luciana wouldn’t be on the top of the best musical revelations of the 2000’s. Covered In Punk is, without using any musical reference to its term, a pop and rock hymn that offers us good moments after we all have thought that brit pop was over and, at the same time, offers us a creative vision of life. Therefore, the promo album couldn’t have had a better title than Viva La Difference, because life is really that, a celebration of difference.
Are we here celebrating the difference between two people in this summer romance that started to be fruitful? It seems so, as we all have gone through pictures with Julee Cruise, introspective moments with Gaelle, parties with Fierce Angels and now, what is missing is a big smile to cheer up the Fall.
 

</script>

Autoria e outros dados (tags, etc)

published at 00:03

teach your Boyfriend the Alphabeat!

by perplex3r, em 04.08.08

(Português/Portuguese)

Inicialmente parece que vamos ouvir Never Gonna Give You Up de Rick Ashley, mas enganem-se, estamos em 2008 e Pete Hammond voltou atrás no tempo ao remisturar Boyfriend dos Alphabeat de uma forma que nada fica a dever a todas as canções que ainda temos em cassetes.
Boyfriend é retirado do álbum homónimo e segue a linha divertida do single Fascination, com letra catchy, fresca, leve e, claro está, perfeita para as festas de verão lá de casa. Boyfriend exprime tudo aquilo que cada rapaz gosta de ouvir, a sua namorada a dizer em alto e bom som “Don’t You Touch My Boyfriend/He’s Not Your Boyfriend/He’s Mine”, porque uma pouco de possessividade nunca fez mal a ninguém,não é verdade?
Será que este summer romance atingiu um novo patamar? A ver vamos, até lá, tirem as calças de ganga justas, as meninas coloquem aquelas fitas no cabelos e os brincos…the 80’s are back again!

(English/Inglês)

In the beginning one thinks that Never Gonna Give You Up by Rick Ashley is about to start, but you are wrong, we are in 2008 and Pete Hammond went back in time remixing Boyfriend from Alphabeat in a way that as good as all the songs from our cassettes.
Boyfriend is taken from the self titled album and follows Fascination with catchy lyrics, fresh, not so heavy so it’s perfect for the summer parties at home.
Boyfriend expresses also what we all boys like to hear from our girlfriends, i.e. "Don’t You Touch My Boyfriend/He’s Not Your Boyfriend/He’s Mine”, because a possessive feelings doesn’t harm anyone, does it?
Will this summer romance get into another level? We’ll see and, until then, grab your tight jeans, girls put hairpins and some earrings…the 80’s are back again!

 

Boyfriend (Pete Hammond Remix)

 

</script>

Autoria e outros dados (tags, etc)

published at 15:09

Runaway with Abigail & Tom Novy!

by perplex3r, em 01.08.08

(Português/Portuguese)
Com tudo o que de bom que o Verão é capaz de trazer, incluindo o tão falado summer romance, não podemos fugir de nós próprios, ou podemos? Bem, isso é o que Abigail Bailey, conhecida por colaborar com Herd & Fitz no fantástico I Just Can’t Get Enough, e Tom Novy, produtor de Your Body, nos dizem.
Runaway, que inicialmente pode parecer que se liga muito bem a Show Me Love de Robin S, fala em arriscar tudo, mesmo quando se esteja inseguro, uma vez que não se pode fugir de tudo o que sentimos, pois por vezes parece que nos encontramos num beco sem saída. Contudo, e apesar de possuir um letra bem conseguida, Runaway não será uma das melhores produções do alemão Tom Novy, mas será capaz de fazer mexer a perninha ao abrir a pista da discoteca, ou levar os mais cépticos a cantarolar um bocadinho.

Em suma, Runaway será mais um tema vocal house dançável, mas não é para ser seguido à risca, uma vez que fugir nem sempre é a melhor opção.

 

(English/Inglês)

With all the best things that summer can bring, including the summer romance, can’t we runaway from ourselves, can we? Well, that’s what Abigail Bailey, known for collaborating with Herd & Fitz in the single I Just Can’t Get Enough, and Tom Novy, the producer of Your Body, tell us.
Runaway, that initially can be connected to Show Me Love from Robin S, deals with risking it all, even when we are insecure, as we can’t runaway from what we feel, because sometimes we are in a death end situation.  Although it has very good lyrics, Runaway is not one of the best productions from the German producer Tom Novy, but will be able to make us shake your legs at the clubs, or even lead the sceptics to sing it.
To sum up, Runaway is another vocal house anthem, but it shouldn’t be taken seriously, as runaway is not always the best option.

 

 

</script>

Autoria e outros dados (tags, etc)

published at 15:36

note

(Português)
Devido à nova imagem do blog, todos os posts anteriores a 2017 podem surgir com formatação diferente. Um novo ano, uma nova vida, nova música, nova imagem!

(English)
Due to the new image, all posts prior to 2017 may come up with a different format. A new year, a new life, new music and new image!



@bout me

foto do autor


text me

back to music & Spotify

Subscreve/Subscribe Playlist

Back to Music,Love & Lifestyle on Spotify!




Thank You's

 

Sapo Destaques - 27.04.17

Sapo Destaques - 16.04.17

 

 

158228775_799677383988548_6468362411738584546_n.jp




Blogs Portugal

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds