Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



doves & Mother's Day

by perplex3r, em 08.05.17

I used to follow you, follow you for days
I slept beside you, just shadows away
I watched you by the fire, your hands was all aglow
Under the spell of a circle, I let my face show


Português/Portuguese

Passaste o dia presentear a tua mãe com mimos, com prendas e sorrisos durante a longa tarde de domingo. Sabes que não há ninguém como ela, aquela pessoa que te chateia quando tens 17 anos e chegas um pouco depois das 3 e lhe disseste que chegavas à uma. Aquela pessoa especial que faz de conta que não te vê a ir torto para a cama (porque bebeste demais na Queima das Fitas durante a noite) e são 9 da manhã e tens que recuperar energia para mais logo. Mas mais importante que isso, a mãe que é capaz de tirar o único euro que tem na carteira para te dar um gelado, que é capaz de não comprar o que gosta para te oferecer um brinquedo e sabe que, quando estás triste, a tua sobremesa favorita te vai alegrar.
Mother's Protect é um pouco isso, se quisermos circunscrever o tema a esse dia, que fala de amor, da maior expressão do  mesmo que será o amor de uma mãe por um(a) filho(o). Retirado do primeiro álbum da dupla Niki & The Dove, oriundo da Suécia, e que tem em Instinct uma mistura de indietronica, synthpop e futurepop. Já nomeados pela BBC para Sound Of 2012, já editaram um segundo álbum intitulado Everybody's Heart Is Broken Now, no ano passado. Preferimos ouvir o Goldroom Remix, que se aproxima de bandas como MGMT,por exemplo, que prolonga a tarde de segunda feira à beira mar e os martinis na mesa da esplanada.
Muito mais que oferecer música, flores, prendas ... nada é tão puro e simples como um OBRIGADO todos os dias por teres, ou teres tido, uma mãe que te tornou único e especial aliás, mais do que qualquer pessoa, ela é a melhor influência que podes ter.
(E para aproveitares bem este som ... podes fazer o download gratuito desta faixa fantástica!)

English/Inglês
You spent the day giving your mother treats with gifts and smiles during the long Sunday afternoon. You know there's no one like her, that person who annoys you when you're 17 and you arrive a little bit after 3 and you told her you were coming home around one. That special person who pretends she does not see you going to bed dizzy (because you drank too much at Queima das Fitas  – special week of party for Portuguese University Students) and it's 9 in the morning and you have to recover energy for later. But more importantly, a mother who is able to  take out her last pound to offer you an ice cream, who is able to not buy what she likes just to offer you a toy and knows that when you are sad, your favourite dessert will cheer you up.
Mother's Protect is a bit of this, if we want to circumscribe the song to that day, which speaks of love, the greater expression of a mother’s love for her child. Taken from the first album by the duo Niki & The Dove, from Sweden, who have in Instinct a mix of indietronica, synthpop and futurepop. Already nominated by the BBC for Sound of 2012, they have already released last year a second album entitled Everyone's Heart is Broken Now. We prefer to listen to the Goldroom Remix, which resembles bands like MGMT, for example, and which prolongs a Monday afternoon at the seaside with martinis on the table.
Much more than offering music, flowers, gifts ... nothing is as pure and simple as a THANK YOU every day for having, or have had, a mother who has turned you unique and special, who is the best influence one can have.
(And to enjoy this sound ... you can download this fantastic track for free!)

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

All I wanna do is go to sleep
With my taped up heart and my open bottle
Me and my sheets

Português/Portuguese
A vida é apenas altos e baixos ... especialmente quando encontramos o amor nossas vidas, acreditar nesses sentimentos e fazer tudo o que precisamos para fazer esse conto de fadas durar uma vida. No entanto, ao longo dos anos podemos sentir tristeza, alegria, emoção, felicidade, dor ... tudo só porque começamos a AMAR.
Clara Mae, (ex Ace Of Base) cantora de 25 anos da Suécia , foi recrutada pela dupla norueguesa Kream e entregou este single influenciado por Lean On. Embora a música tenha sido influenciada durante os últimos anos pelo som de Major Lazer, este ainda mantém a sua produção original e acrescenta um sentimento de verão a uma história de amor muito triste. Existe ainda a versão acústica, bem mais melancólica, para além de remisturas em estilo trap de Disto, e viagens por praias e areias brancas por Lash e Joe Mason.
Tem em mente que nem todas as histórias terminam em lágrimas e, se entretanto, és apenas tu e teus lençóis esta sexta-feira com uma garrafa aberta, certifiqua-te de beber um bom vinho e ouvir boa música (esta é aquela música que embora exprima exatamente o teu estado de espírito, será um lembrete de que tu, somente TU, és o único que pode desvirar teu coração e aproveitar novamente vida!).
Bom fim de semana!


English/Inglês
Life is just ups and downs ... specially when we find the love our lives, believe in those feelings and do whatever we need to in order to make that fairytale last a lifetime. However, throughout the years we may experience saddeness, joy, excitement, happiness, pain .... all just because we started to LOVE.
Clara Mae, (ex Ace of Base) the 25-year-old singer from Sweden, was recruited by the norwegian duo Kream and delivered this Lean On influenced hit single. Although music has been influenced over the past years by Major Lazer sound, this one still keeps its original production and adds a summer feeling to a very sad love story. There is also the accoustic version, as well as remixes sounding like trap music by Disto, and trips through beaches and white sands by Lash and Joe Mason.
Keep in mind that not all stories end in tears and, if in the meantime, it is just you and your sheets this Friday with an open bottle, make sure you drink a nice one and listen to good music (this is that song that even thougite sands h expresses exactly your state of mind, will be a reminder that you, only YOU, are the one that can untape your heart and enjoy life back again!).
Have a nice weekend!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

robyn is back (with) honey!

by perplex3r, em 29.03.17

It wasn’t ready to be released, but I finished this version for her and Girls(..)

Português / Portuguese
A 20.08.07 Robyn teve direito ao seu primeiro post neste blog, quando conquistou o primeiro lugar da tabela de singles do Reino Unido com With Every Heartbeat e agora, dez anos depois, é com toda aquela alegria que descobrimos que um novo álbum se avizinha para 2017. 

Robyn começou nos finais da década de 90 com melodias bem pop  e após tomar rédeas da sua carreira e tornar-se independente, devido a diferenças com a sua editora, a sua  criatividade mostrou-se sem limites. Para alegria geral, essas aventuras percorrem versões não só acústicas, mas também electrónicas e bem dançáveis juntamente colaborações com Röyksopp, Snoop Dog e Kleerup.
It wasn’t ready to be released, but I finished this version for her and Girls publicou Robyn sobre a escolha da produtora da série Girls Lena Dunham, pois esta última seleccionou este tema estando o mesmo ainda por terminar de forma a que surgisse no último episódio.
O follow up da trilogia Body Talk de 2010 inspira complexidade e melancolia, estando já a demonstrar a capacidade introspectiva, e por vezes fatalista de Robyn, tal como nos temas With Every Heartbeat, Eclipse e Hang With Me. É com a frase You're not gonna get what you need, But baby I have what you want que termina este pequeno excerto, o que nos leva a questionar se no presente capítulo do nosso livro sabemos a diferença e/ou se estamos a repetir o mesmo erro do passado. No que respeita à sonoridade desta faixa, os ritmos electrónicos perduram e embora se possam assemelhar ao anterior álbum, ainda é muito prematuro descortinar por que caminhos se foi construindo um dos álbums há muito esperados. Por isso, após ouvirem um pouco do que está para vir, podem sempre (re)descobrir Robyn por aqui
!

English / Inglês 
A 20.08.07 Robyn was entitled to her first post on this blog when she reached number one in the UK singles chart with With Every Heartbeat and now, ten years later, it is with all the joy that we discover that a new album is coming in 2017.
Robyn began in the late 90s with true pop tunes and after taking over her career and becoming independent, due to differences with her own record company, her creativity proved to be without limits. For general joy, the adventures run not only through acoustic sounds but also electronic and dance versions along with collaborations with Röyksopp, Snoop Dog and Kleerup.
It wasn’t ready to be released, but I finished this version for her and Girls published Robyn on the choice of the producer of the series Girls Lena Dunham, as she has selected this unfinished song in order for it to appear in the last episode of the series.
The follow-up to the 2010 Body Talk trilogy inspires complexity and melancholy, already demonstrating an introspective and sometimes fatalistic side of Robyn, as in the songs With Each Heartbeat, Eclipse and Hang With Me.It's with the phrase You will not get what You need to, But baby, I have what you want that  this little excerpt finished, which leads us to wonder if in this chapter of our book you know  the difference and / or if we repeat the same mistake of the past. As far as the sound of this track is concerned, the electronic rhythms remain and although they resemble the previous album, it is still very premature to discover through which paths  one of the long awaited albums has been build upon. So, after listing a bit what is about what to come, you can always (re)discover Robyn here!

Autoria e outros dados (tags, etc)

English

   
Português

Ikea, Freddie Ljungberg and Abba …. All well-known Swedish exports. Of course, you should have added the dj, pianist and producer Rasmus Faber if (god forbid!) you don’t know him yet. He already has a great musical career with a bunch of albums and compilations and tracks that were added to critically acclaimed releases of Hed Kandi, for example. How can one describe the feeling when we listen to his tracks? Well, we can’t. In fact we have fantastic sensations of summer, love and happiness.

The Sun started to shine and nothing better than to kick off this year’s spring with the album Indian Summer, which is exactly what we have been waiting for. Does the fact that he comes from Sweden makes you feel a bit chilly? Don’t worry! He really knows how to mix electronic music with hot sounds and deep house grooves wrapped in live instrumentation.

This LP is comprised of 8 tracks with a minimum of 126 BPM and amazing collaborations with Emily McEwan, Polina Griffith, Melo and Frida Sundemo. This summer trip kicks off with Indian Summer, which for those who haven’t been to India yet, might feel the shinny colours and aromas of the country. Clear The Rain is just that, it allows you wear your sunglasses and enjoy the beach as if were there for the first time. You will continue enjoying this typical mixture of beats until Hunt You Down and Hurricane, which cools things down for a bit though the name shows the opposite, before you end with the track Take Me Dreaming … well, that’s exactly what you will say when you finish listening to album and you will pray not to wake up!

Therefore, do not expect commercial pop or dance music! Do expect a LP with real feelings and a journey through dreams. In this way Indian Summer  is capable of changing opinions for those who are always skeptical about the fact that dance music is worth buying and listening to!

 

IkeaFreddie Ljungberg e  Abba … Todas exportações Suecas bem conhecidas. Claro, deverias acrescentar o dj, pianista e produtor Rasmus Faber se (Deus te perdoe!) ainda não o conheces. Já possui uma fantástica carreira musical com um punhado de albums e compilações e canções que foram aclamadas pela crítica em edições de Hed Kandi, por exemplo. Como se pode descrever o que se sente quando ouvimos os seus temas? Bem, não se consegue.  De facto, temos sensações fantásticas de verão, amor e felicidade.

O Sol começou a brilhar e nada melhor que dar o pontapé de saída para a primavera deste ano com o álbum Indian Summer, que é exactamente aquilo que estávamos à espera. O facto de ele vir da Suécia faz-te sentir com um pouqinho de frio? Não te preocupes! Ele sabe muito bem como misturar música electrónica com sons quentes e deep house e embrulhá-los com instrumentos reais.

Este LP é composto por 8 temas com o mínimo de 126 BPM e com grandes colaborações com Emily McEwan,Polina GriffithMelo and Frida Sundemo. Esta viagem de verão começa com Indian Summer, que para quem nunca lá foi, pode sentir as cores brilhantes e os aromas do país. Clear The Rain é mesmo isso, permite usar os óculos de sol e disfrutar da praia como a primeira vez que lá fomos. É possível fruir desta mistura de batidas até Hunt You DownHurricane, que relaxa um bocadinho apesar do nome mostrar o oposto, antes de terminares com Take Me Dreaming … bem, que é exactamente aqui que vais dizer quando terminares de ouvir o álbum e rezares para não acordares.

Assim, não esperes pop ou dance music comercial! Espera sim um LP com sentimentos verdadeiros e uma viagem por sonhos. Desta forma, Indian Summer é capaz de  fazer mudar de opinião todos aqueles que são sempre cépticos sobre o facto de a música de dança valer a pena de ser comprada e escutada!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Schillout breaths electro with September!

by perplex3r, em 25.08.09

 

English

   
Português

Two countries breathe music! Germany and Sweden are together in one of the most stimulating melodies soon to be released. Schiller and Petra Marklund, known as September joined forces for Breathe, included in the 2008 platinum album Sensucht (released in English as Desire) in an ambient chillout version, and it also includes other collaborations with Colbie Caillet, Kim Sanders, Lang Lang, among others.
After one of the best performances in the Polish Sopot Festival, Dave Ramone remixed the track with strong and exciting electro house beats that heighten Petra’s fantastic voice and the lyrics of the track. Sometimes we cannot breathe and it isn’t for the fact we are in love, but for the fact that we don’t know what to do; therefore the chorus says “I can’t breathe my love/ I’m swimming in the dark beside you”.
In this way, if one day we aren’t able to breathe, may it be only for the fact that we are watching Schiller live in a concert, who has already got a Opus Award for Best Sound Design of a Live Show, and not for the fact that we are lost with impossible love. In other words, Breathe won’t have a Bitter End, but a sweet beginning!
 

 

 

 

Dois países respiram música! Alemanha e Suécia juntos numa das melodias mais estimulantes a serem editadas em breve. Schiller Petra Marklund, mais conhecida como September uniram-se para Breathe, incluído no álbum platinado de 2008 Sehnsucht (editado em inglês como Desire) em versão ambient chillout, que contém também colaborações com Colbie Caillet, Kim Sanders, Lang Lang, entre outros.
Após uma das melhores performances no festival polaco Sopot Festival, Dave Ramone remisturou a faixa com batidas electro house fortes e estimulantes, o que fazem ressaltar a fantástica voz de Petra e a letra da própria canção. Por vezes perdemos a respiração junto de quem gostamos, e não é pelo facto de estarmos apaixonados, mas sim por não sabermos o que fazer, daí que o refrão seja “I can’t breath my love/ I’m swimming in the dark beside you”.
Desta forma, se um dia estivermos sem conseguir respirar, que seja apenas pelo facto de estarmos a ver Schiller ao vivo num concerto, uma vez que já recebeu um Opus Award para Best Sound Design of a Live Show, e não porque estamos perdidos em amores impossíveis. Por outras palavras, Breathe não terá um fim amargo (Bitter End) mas um começo bem doce!

 

Tracklist:
1.
Breath Dave Ramone Radio Edit (3:28)
2. Breath Original Mix/Album Version (4:12)
 

 

 

*Nota: Estas são as duas versões disponíveis, as novas remisturas de David Ramone não têm ainda data de edição.
*Note: These are the two availbale versions; the new remixes by David Ramone don't have a date of release yet.

Autoria e outros dados (tags, etc)

note

(Português)
Devido à nova imagem do blog, todos os posts anteriores a 2017 podem surgir com formatação diferente. Um novo ano, uma nova vida, nova música, nova imagem!

(English)
Due to the new image, all posts prior to 2017 may come up with a different format. A new year, a new life, new music and new image!




back to music & Spotify

Subscreve/Subscribe Playlist

Back to Music,Love & Lifestyle on Spotify!


Passatempo


back to music & the web


Thank You's

 

Sapo Destaques - 27.04.17

Sapo Destaques - 16.04.17

 

 





back to music & love

Follow

subscrever feeds