Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



robyn is back (with) honey!

by perplex3r, em 29.03.17

It wasn’t ready to be released, but I finished this version for her and Girls(..)

Português / Portuguese
A 20.08.07 Robyn teve direito ao seu primeiro post neste blog, quando conquistou o primeiro lugar da tabela de singles do Reino Unido com With Every Heartbeat e agora, dez anos depois, é com toda aquela alegria que descobrimos que um novo álbum se avizinha para 2017. 

Robyn começou nos finais da década de 90 com melodias bem pop  e após tomar rédeas da sua carreira e tornar-se independente, devido a diferenças com a sua editora, a sua  criatividade mostrou-se sem limites. Para alegria geral, essas aventuras percorrem versões não só acústicas, mas também electrónicas e bem dançáveis juntamente colaborações com Röyksopp, Snoop Dog e Kleerup.
It wasn’t ready to be released, but I finished this version for her and Girls publicou Robyn sobre a escolha da produtora da série Girls Lena Dunham, pois esta última seleccionou este tema estando o mesmo ainda por terminar de forma a que surgisse no último episódio.
O follow up da trilogia Body Talk de 2010 inspira complexidade e melancolia, estando já a demonstrar a capacidade introspectiva, e por vezes fatalista de Robyn, tal como nos temas With Every Heartbeat, Eclipse e Hang With Me. É com a frase You're not gonna get what you need, But baby I have what you want que termina este pequeno excerto, o que nos leva a questionar se no presente capítulo do nosso livro sabemos a diferença e/ou se estamos a repetir o mesmo erro do passado. No que respeita à sonoridade desta faixa, os ritmos electrónicos perduram e embora se possam assemelhar ao anterior álbum, ainda é muito prematuro descortinar por que caminhos se foi construindo um dos álbums há muito esperados. Por isso, após ouvirem um pouco do que está para vir, podem sempre (re)descobrir Robyn por aqui
!

English / Inglês 
A 20.08.07 Robyn was entitled to her first post on this blog when she reached number one in the UK singles chart with With Every Heartbeat and now, ten years later, it is with all the joy that we discover that a new album is coming in 2017.
Robyn began in the late 90s with true pop tunes and after taking over her career and becoming independent, due to differences with her own record company, her creativity proved to be without limits. For general joy, the adventures run not only through acoustic sounds but also electronic and dance versions along with collaborations with Röyksopp, Snoop Dog and Kleerup.
It wasn’t ready to be released, but I finished this version for her and Girls published Robyn on the choice of the producer of the series Girls Lena Dunham, as she has selected this unfinished song in order for it to appear in the last episode of the series.
The follow-up to the 2010 Body Talk trilogy inspires complexity and melancholy, already demonstrating an introspective and sometimes fatalistic side of Robyn, as in the songs With Each Heartbeat, Eclipse and Hang With Me.It's with the phrase You will not get what You need to, But baby, I have what you want that  this little excerpt finished, which leads us to wonder if in this chapter of our book you know  the difference and / or if we repeat the same mistake of the past. As far as the sound of this track is concerned, the electronic rhythms remain and although they resemble the previous album, it is still very premature to discover through which paths  one of the long awaited albums has been build upon. So, after listing a bit what is about what to come, you can always (re)discover Robyn here!

Autoria e outros dados (tags, etc)

English

   
Português

Ikea, Freddie Ljungberg and Abba …. All well-known Swedish exports. Of course, you should have added the dj, pianist and producer Rasmus Faber if (god forbid!) you don’t know him yet. He already has a great musical career with a bunch of albums and compilations and tracks that were added to critically acclaimed releases of Hed Kandi, for example. How can one describe the feeling when we listen to his tracks? Well, we can’t. In fact we have fantastic sensations of summer, love and happiness.

The Sun started to shine and nothing better than to kick off this year’s spring with the album Indian Summer, which is exactly what we have been waiting for. Does the fact that he comes from Sweden makes you feel a bit chilly? Don’t worry! He really knows how to mix electronic music with hot sounds and deep house grooves wrapped in live instrumentation.

This LP is comprised of 8 tracks with a minimum of 126 BPM and amazing collaborations with Emily McEwan, Polina Griffith, Melo and Frida Sundemo. This summer trip kicks off with Indian Summer, which for those who haven’t been to India yet, might feel the shinny colours and aromas of the country. Clear The Rain is just that, it allows you wear your sunglasses and enjoy the beach as if were there for the first time. You will continue enjoying this typical mixture of beats until Hunt You Down and Hurricane, which cools things down for a bit though the name shows the opposite, before you end with the track Take Me Dreaming … well, that’s exactly what you will say when you finish listening to album and you will pray not to wake up!

Therefore, do not expect commercial pop or dance music! Do expect a LP with real feelings and a journey through dreams. In this way Indian Summer  is capable of changing opinions for those who are always skeptical about the fact that dance music is worth buying and listening to!

 

IkeaFreddie Ljungberg e  Abba … Todas exportações Suecas bem conhecidas. Claro, deverias acrescentar o dj, pianista e produtor Rasmus Faber se (Deus te perdoe!) ainda não o conheces. Já possui uma fantástica carreira musical com um punhado de albums e compilações e canções que foram aclamadas pela crítica em edições de Hed Kandi, por exemplo. Como se pode descrever o que se sente quando ouvimos os seus temas? Bem, não se consegue.  De facto, temos sensações fantásticas de verão, amor e felicidade.

O Sol começou a brilhar e nada melhor que dar o pontapé de saída para a primavera deste ano com o álbum Indian Summer, que é exactamente aquilo que estávamos à espera. O facto de ele vir da Suécia faz-te sentir com um pouqinho de frio? Não te preocupes! Ele sabe muito bem como misturar música electrónica com sons quentes e deep house e embrulhá-los com instrumentos reais.

Este LP é composto por 8 temas com o mínimo de 126 BPM e com grandes colaborações com Emily McEwan,Polina GriffithMelo and Frida Sundemo. Esta viagem de verão começa com Indian Summer, que para quem nunca lá foi, pode sentir as cores brilhantes e os aromas do país. Clear The Rain é mesmo isso, permite usar os óculos de sol e disfrutar da praia como a primeira vez que lá fomos. É possível fruir desta mistura de batidas até Hunt You DownHurricane, que relaxa um bocadinho apesar do nome mostrar o oposto, antes de terminares com Take Me Dreaming … bem, que é exactamente aqui que vais dizer quando terminares de ouvir o álbum e rezares para não acordares.

Assim, não esperes pop ou dance music comercial! Espera sim um LP com sentimentos verdadeiros e uma viagem por sonhos. Desta forma, Indian Summer é capaz de  fazer mudar de opinião todos aqueles que são sempre cépticos sobre o facto de a música de dança valer a pena de ser comprada e escutada!

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

 

English

   
Português

I Didn’t Mean to Turn You On (2005) … you’re joking, for sure!

With sounds that perfume days with sun, beach and hot emotions, Colette, probably one of the most interesting American DJs unknown in Europe, has been building her long career, with 3 albums (two under OM Records), a Best Breakthrough DJ award and the nº1 iTunes album Hypnotized (2005).

When The Music’s Loud (2013) is the third album which has been inspired by the 80s sound, mixes these previous years’ tendencies of electro and deep house, in an 11-song-album that will put your iPod on “repeat”. And why? It’s almost Friday and with these gray days we all need that summer heat we have been missing. In those intense passion moments, the single Physically (2014) is highlighted by its deep sound and intense and sexy vocals (remixed by Late Night Alumni, on the single edition), released after the acclaimed Hotwire (2013), which reminds us the first time we’ve been in a disco back in 1989 and it is not less than an hymn to the moment when two bodies meet each other. The track Best Of Days speeds things up in the these chance meetings and brings with it the will to involve ourselves in an Oasis, where simplistic electronic allows us to contemplate a passionate sundown.

If you are looking for a calm weekend spent listening to the rain, forget this album … but if you’re looking for more than an hour of pleasure for your ears, followed by sensations under the sheets this is, without any question, the must have album.

To help you … here you have 7 of the 11 songs taken from the album for you to listen and download for free  … are you ready to be turned on?

 

 

 

I Didn’t Mean to Turn You On  (2005) … isso é a brincar, só pode!

Com sonoridades que perfumam os dias com sol, praia e emoções escaldantes, Colette, talvez uma das mais interessantes DJs americanas desconhecidas na Europa, foi construindo uma carreira já longa, com 3 álbums editados (dois pela OM Records), prémio de Best Breakthrough DJ e um número um no iTunes pelo álbum Hypnotized (2005).

When The Music’s Loud (2013) é o terceiro álbum que busca inspirações aos anos 80, mistura sons electro e deep house dos últimos anos, num conjunto de 11 canções que vão colocar o teu iPod em modo “repetição”. E porquê? É quase sexta-feira e com estes dias cinzentos precisamos de todo aquele calor de verão que está a fazer falta. Naqueles momentos de paixão intensa, o single Physically (2014) destaca-se pela sua sonoridade deep e vocais intensos e sensuais (remisturado por Late Night Alumni, na edição de single), precedendo o aclamado Hotwire (2013), que relembram as primeiras idas à discoteca em 1989 e que não é nada mais nada menos que um hino ao encontro entre dois corpos. O tema Best of Days acelera o passo nestes encontros fortuitos e traz com ele uma insaciável vontade de nos envolvermos num Oasis, onde numa simplicidade electrónica nos permite deslumbrar um pôr do sol apaixonante.

Se pretendem um fim de semana sossegado a ouvir a chuva, esqueçam este álbum … agora se buscam mais de uma hora de prazer para os vossos ouvidos, precedidos de sensações nos lençóis a dois este, é sem dúvida, o álbum para ouvirem.

E para ajudar … aqui estão sete dos 11 temas do álbum que podem ouvir e descarregar gratuitamente … are you ready to be turned on?

Autoria e outros dados (tags, etc)

note

(Português)
Devido à nova imagem do blog, todos os posts anteriores a 2017 podem surgir com formatação diferente. Um novo ano, uma nova vida, nova música, nova imagem!

(English)
Due to the new image, all posts prior to 2017 may come up with a different format. A new year, a new life, new music and new image!



@bout me

foto do autor


back to music & Spotify

Subscreve/Subscribe Playlist

Back to Music,Love & Lifestyle on Spotify!


Passatempo


back to music & the web


Thank You's

 

Sapo Destaques - 27.04.17

Sapo Destaques - 16.04.17

 

 





back to music & love

Follow