Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Sade, dis-moi; Sade, donne-moi
Sade, tell me; Sade, give me


Português / Portuguese

Todos nós temos desejos, desejos de alcançar um novo posto de trabalho, de atingir um patamar de riqueza e, mais do que aqueles que nos são incutidos, existem sempre aqueles desejos que (para uma visão bem puritana) são demasiado pecaminosos para este mundo.
Sadeness (Part 1) de Enigma (5 milhões de singles vendidos) mistura o canto religioso, os vocais sensuais da cantora alemã Sandra, que teve Maria Magdalena nos tops na década de 80, com uma voz masculina que questiona os desejos do Marquês de Sade. São desejos mesclados numa canção que alcançou o número um durante 5 semana nas Eurochart e em mais de 24 países (Reino Unido e US, por exemplo) e que, em alguns, o título foi alterado para Sadness(Part 1), retirando, dessa forma, o pecado que este single poderia conter e atribuindo-lhe mais melancolia que respostas a desejos carnais.
Desta forma, tal como na música, podemos sempre questionar os nossos desejos mais íntimos, podemos até mesmo misturar o que de mais puro temos em nós sem nunca descurar o outro lado do espelho, aquele prazer que nos pode ser oferecido pelo outro, aquele mesmo em que dois corpos se juntam e partilham o que têm de mais íntimo. Aqui, o nome do Marquês substitui-se pelo teu, porque as questões que lhe são dirigidas podem muito bem ser respondidas por ti. Aliás, nesta mistura de sons de flauta e batidas podes, muito bem, reflectir até que ponto te encontras fechado a convenções e tradições obsoletas ou limitativas.
Em suma, não será apenas Sadeness que se encontra actual 27 anos depois, mas também o álbum MCMXC a.D que é mais do que uma busca  num mundo medieval, cheio de sons de floresta, de grilhões que prendem as mãos e a mente e de pessoas que pretendem encontrar respostas únicas e libertadoras às suas questões mais íntimas.Para começar a viagem, por este vídeo, ficamos com Principles of Lust (Os Princípios da Luxúria), a trilogia que Sadeness se insere, porque o pecado, esse, nunca fez mal a ninguém!

 

English/Inglês
We all have desires, desires to get a new job, to be wealthier, and more than the ones that are instigated, there are always those which (for a puritan vision)are too sinful for this world.
Sadness (Part 1) by Enigma (5 million singles sold) mixes religious chants, the sensual vocals by German singer Sandra, who had Maria Magdalena in the charts in the 80's with a male voice that questions the desires of Marquis de Sade. Those are desires mingled in a song that reached number one for 5 weeks on the Eurochart and in more than 24 countries (UK and USA, for example) and in some of them the title was changed to Sadness (Part 1), removing, in that way, the sin that this single could contain  giving to it more melancholy than responses to carnal desires.
In this way, as in the song, we can always question our most intimate desires, we can even mix the purest things we have in us without forgetting what’s on the other side of the mirror, that pleasure that can be given by the other, that one when two bodies come together and share the most intimate things they have. Here the name of the Marquis is replaced by yours, because the questions that are asked him can well be answered by you. In fact,  in this mixture of flute sounds and beats you may well meditate on to what extend you are closed by conventions and obsolete or limited traditions.
In short, it is not only Sadeness that is uptodate 27 years later, but also the album MCMXC which is more than a search through a medieval world, full of forest sounds, of fetters that hold the hands and the minds and of people who want to find unique and liberating answers to their most intimate questions. To start this journey, through the video, we have the Principles of Lust, the trilogy in which Sadeness is part of, because sinning never harmed anyone!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

this is my MESSAGE OUT TO YOU!

by perplex3r, em 26.04.17

Português/Portuguese
Quando caminhamos pela praia, tão próximos do mar e uma das ondas vem com toda aquela espuma fria e bate nos teus pés ... sentes aquele frio arrepiante inicial, olhas para o horizonte e pensas que querias ficar ali, a ver o pôr-do-sol para sempre. É esta sensação que o mais recente single de André Tanneberger nos provoca, para além de nos transportar para um momento a dois um tanto ao quanto saudosista. De repente, vemos um pequeno objecto a flutuar na água ... vemos uma pequena garrafa, enviada por um naúfrago dos mares do norte, e lemos que esta mensagem musical tem duas versões - a versão rádio e extended - sendo que a original foi retirada do mais recente duplo álbum Next editado a 21 de abril e conta com a colaboração de Robbin & Jonis e F51.
Sabemos que já lá vão uns anos desde que as 9 horas (9pm Till I Come) chegaram ao número um da UK chart (o primeiro single trance a fazê-lo) assim como uma panóplia de álbuns, singles e compilações duplas, mas ainda sentimos aquele soft trance próprio do verão, aquele arrepio após uma tarde estendidos numa grande toalha de praia partilhada com quem mais gostamos e a pele a estalar com todo o sal. Isto apenas acontece porque ATB continua a manter o seu som característico, letras simples, embora repletas de significado e, ao mesmo tempo, adiciona-lhe uma produção mais recente e que se afasta da música electrónica que se ouve nos dias de hoje, quase que como fosse oriunda de um mundo à parte. 
Talvez as palavras do tema não sejam as que mais se adquem à mensagem que queres enviar, mas podem muito bem ser o ponto de partida para quebrares o gelo com quem piscaste o olho na véspera de feriado, voltares a falar com aquele amigo que,razões à parte, deixaste de escrever ou, mais importante, iniciares uma conversa contigo próprio. Escolhe a garrafa, o papel, a caneta e não deixes nada por dizer ... 


English/Inglês
When we walk along the beach, close to the sea and one of the waves come with all that cold foam and hit your feet ... you feel this initial chilling cold, you look at the horizon and think you want to stay there, watching the sunset forever and ever. This is the sensation that André Tanneberger's most recent single provokes us, in addition to transporting us to a nostalgic moment lived by two people. Suddenly, we see a small object floating in the water ... we see a small bottle, sent by a castaway from the northern seas, and we read that this musical message has two versions - a radio and extended version - being the original taken from the most recent double album Next released on April 21 and features Robbin & Jonis and F51.
We all know that some years have passed since 9PM (Till I Come) has reached number 1 in the UK Chart (the first trance single ever to reach it), as well as panoply of albums, singles and double compilations, but we can still that soft trance summer feeling, that chill after spending the whole afternoon lying on the towel shared with the one we love and our skin popping because of all that salt. This happens because ATB continues to keep his characteristic sound, simple lyrics, although full of meaning and at the same time, adds a more recent production but moving away from the electronic music we hear nowadays, almost like coming from a different world.
Maybe the words on the track are not the ones convey  the message you want to send, but they may well be the starting point for breaking the ice with whom you winked the eye last holiday’s eve, talk to that friend again who, for reasons apart, you stop writing to or, more importantly, start a conversation with yourself. Choose the bottle, the paper, the pen and leave nothing to be said ...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Source: pbs.twimg.com
Warning / Aviso: Eargasmic track! Naughty .... but nice!

Português / Portuguese
É sexta-feira e estamos quase todos a abandonar os nossos escritórios, escolas e tudo o que nos faz ansiar pelo fim de semana. Avizinha-se um final de tarde com uma mesa repleta de copos de cervejas do mundo, uns olhares marotos por trás dos óculos de sol, um flirt por entre a fila para o bar e imensos risos descontraídos. É aí que podemos retirar o I can teach you a thing or two e atribuir-lhe toda a conotação para quando estamos a chegar àquela hora em que sentimos calor .... e esse calor é tudo menos por causa do tempo!
Será por isso, Yeah Yeah 2017 (nº1 Billboard's Dance Club Songs) está aí para te acompanhar pela noite dentro .... e até mesmo até pela manhã, naquele after party que (de certeza?) poderás ir. Originalmente editado em 2007 (nº2 UK Charts) pelos Bodyrox, a versão de aniversário é produzida por Dave Audé, mas mantém a fabulosa, excêntrica e poderosa voz de Luciana (também ela já uma referência neste  e que colaborou com Martijn Ten Velden, Richard Vission e Mark Knight) e adiciona-lhe todas as batidas e loops próprias para qualquer festa deste ano. A versão do vídeo é bem mais agressiva ... não aconselhável a quem teme um dancefloor cheio de luzes, óculos-de-sol, e bebidas q.b., pois pode provocar um eargasm ali mesmo. Esta versão foi remisturada por Tom Staar e é extremamente aditiva e, para muitos, representa o som necessário para as 7 da manhã.
Será na pista ou até mesmo por volta do meio dia, depois de irmos a rastejar pelas ruas para chegar a casa, a beber água e a sentir o sol e o mundo já acordado, que poderás ensinar alguma coisa ... ou mais que uma! Todos sabemos que há coisas que não é necessário ser professor ....
Bom fim de semana!

 

English/ Inglês
It's Friday and we are almost all leaving our offices, schools and everything that makes us yearn for the weekend. We can forsee a late afternoon with a table full of beers from all over the world, a hazy look behind the sunglasses, a flirt while queueing for the bar and lots of laid back laughter. That's when we can take the sentence I can teach you a thing or two and give it all the correct connotation when the time we feel hotter arrives .... and this heat is caused by  anything but the weather!
That's why, Yeah Yeah 2017 (nº1 Billboard's Dance Club Songs)  is there to accompany you through the night ... and even into the morning, in that after party that (for sure?) you can go. Originally released in 2007 (nº2 UK Charts) by Bodyrox, the anniversary version is produced by Dave Audé, but retains the fabulous, eccentric and powerful voice of Luciana (she's already a reference in this blog and has collaborated with Martijn Ten Velden, Richard Vission and Mark Knight) and adds all the beats and loops for any party this year. The version of the video is much more aggressive ... not advisable to those who fear a dancefloor full of lights, sunglasses, and and loads of drinks, as it can cause an eargasm right there. The version was remixed by Tom Staar and is extremely addictive and for many it may represent the sound needed for 7 a.m..
It will be on the dancefloor or even around noon, after we crawl through the streets to get home, drinking water and feeling the sun and the world is already awaken, that you can teach something ... or more than one ! We all know there are things that it is not necessary to be a teacher to teach ....
Have a nice weekend!

Autoria e outros dados (tags, etc)

#throwbackthursday at TOM'S DINER

by perplex3r, em 20.04.17

Source - media.npr.org

Português / Portuguese
Tardes que são passadas nos cafés a estudar, a ver o tempo passar, a ler ou a ouvir música. Naqueles momentos solitários, observamos as mesas à nossa volta, enquanto acendemos um cigarro e sentimos o primeiro travo do café. Temos a nossa mesa com os nossos telemóveis, um livro e os headphones que vamos usar daqui a nada ... entretanto, entram alguns casais, uns felizes, outros abandonados à sua resiliação de namoro prolongado. O senhor mais idoso escreve no seu tablet alguns emails de trabalho, dois senhores de fato preto discutem as notícias, enquanto que a rapariga de cerca de 20 anos fala bem alto ao telemóvel... temos, assim, num só espaço de convívio, um mundo de experiências, corações, amores e vidas.
É nessa mescla de vidas entrelaçadas num café que reside a beleza da simplicidade na letra de Tom's Diner, que podemos muito bem substituir Tom por qualquer espaço que vamos, todos os dias, tomar o nosso pequeno almoço. Originalmente editado por Suzanne Vega em 1982 é o tema de abertura do álbum Solitude Standing (1987), que incluí o aclamado single, embora com uma história bem triste, Luka. Curiosidade de Tom's Diner é que foi remisturado em estilo próprio pelos britânicos D.N.A que editaram o single sem autorização de Vega, tal como acontecia nos finais dos anos 80 em que o hábito de usar samples sem autorização era bastante comum, de forma a oferecer temas conhecidos, mas mais apropriados à club culture que se inciava, por exemplo Black Box com Ride on Time, que samplam Lolleatta Holloway. Após acordo,e com o próprio consentimento de Vega, o single chega ao número 2 da UK Singles Chart, tendo, já sido usado por Giorgio Moroder com Britney Spears, Timbaland e até mesmo a cantora r'n'b Aaliyah com Hot Like Fire e pelo português David Carreira e Bingo Players pela Spinnin' Records.
Em suma, podemos observar e aprender com os outros que estão á nossa volta no ______ (preencher com o teu lugar favorito. Talvez nos iremos inspirar pelas atitudes dos outros ou então continuar a acreditar que estamos no bom caminho.


English / Inglês
Afternoons spent at the cafés studying, watching the time go by, reading or listening to music. In those lonely moments, we saw the tables around us, lit a cigarette, and felt the first taste of coffee. We have our desk with our mobile phones, a book and the headphones that we are about to use ... however, some couples enter, some happy, others abandoned to their long-term relationship. The old man writes in his tablet some work e-mails, two guys wearing black suits discuss the news, while the 20-year-old girl speaks very loudly on the  phone ... therefore we have in a single place, a world of experiences, hearts, loves and lives.
It is in this blend of lives intertwined in a cafe that lies the beauty of simplicity in the lyrics of Tom's Diner that we can nicely replace Tom to whatever we go everyday to have our breakfast. Originally released by Suzanne Vega in 1982 it is the opening theme of the album Solitude Standing (1987), which included the acclaimed single, although with a very sad story, Luka. Curious fact about Tom's Diner is that it was remixed in its own style by the British duo DNA who released  the single without Vega's permission, as it was common in the late 1980s, as it was quite common to use samples without the authour's permission, in order to offer well-known songs , but more appropriate for the culture of the club that has started, for example Black Box with Ride on Time, who sampled Lolleatta's Holloway voice. After getting into an agreement, and with Vega's consent, the single arrives at number 2 of the UK Singles Chart, having already been used by Giorgio Moroder with Britney Spears, Timbaland and even the singer r'n'b Aaliyah with Hot Like Fire and by the Portuguese David Carreira and Bingo Players on  Spinnin 'Records.
To sum up, we can observe and learn from others around at ______ (fill in with your favorite place). Maybe we are about ot be inspired by the attitudes of others or continue to believe that we are on the right path.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

IN THIS GAME of love!

by perplex3r, em 17.04.17

Source: nature-one.dePortuguês / Portuguese
Neste jogo que é a vida, seja ela sozinhos, com alguém que amamos, não apenas por paixão, mas também em relações de amizade, achamos que apostamos em pessoas, que apostamos o que podemos ser e, muitas vezes, tal como num jogo the slot machines, apostamos pouco com a esperança de sairmos a ganhar milhões. Afinal, há um certo nervosismo miudínho que nos faz acreditar nessa probabilidade.
Foi exatamente isto que aconteceu ao alemão Fritzt Kalkbrenner, conseguiu um feito único, juntamente com os seu irmão Paul Kalkbrener. Ambos tiveram o seu primeiro breakthrough com o tema incluído no filme Berlin Calling denominado Sky & Sand (incluída na Playlist do Blog) que esteve 129 semanas dentro da German singles charts.Tal como em todos os caminhos que temos que seguir no nosso dia a dia,  após esse sucesso, ambos seguiram direcções artísticas diferentes, embora ambos dentro do género electrónico.
Fritz, tem vindo a proporcionar umas tantas alegrias electrónicas desde o seu primeiro álbum Here Today Gone Tomorrow (2010), oferecendo melodias mais quentes, com alma e repletas de batidas electro q.b. Em 2016 editou Grand Départ e cujo single In This Game, nos faz questionar até que ponto somos capazes de mudar o que somos neste jogo que pode ser uma relação a dois. Por vezes, nos altos e baixos de relações saturadas a frase Desire to find a chance to change who we’ve become é mais que perfeita, mas apenas desejar não chega, e todos nós sabemos isso. É aqui que entra o refrão, que resume qualquer jogador, que ganha, perde, roda e sangra, que mais não é que dizer-nos que todo o sucesso só depende do que pretendes atingir ou, se não te queres magoar, não precisas de jogar (mas também não irás ganhar nada!).
Este é, então, o tema para a página de segunda-feira, oriundo das terras frias da Alemanha, mas que se vai enquadrar nos teus dias de sol, quentes e apaixonantes. 


English / Inglês
In this game that is life, with someone we love, not only for passion, but also in relationships of friendship, we think that we bet on people, that we bet what we are, often, like in a slot machines game, we bet little, hopping that we will make millions. After all, there is a certain nervousness that makes us believe in this probability.
That is exactly what happened to Fritzt Kalkbrenner, achieved a unique feat, along with his brother Paul Kalkbrener. Both had their first breakthrough with the song included in the Berlin Calling film called Sky & Sand (included in the Blog Playlist) which was 129 weeks within the Germany singles charts. As all the paths we have to follow daily, after this success, the two followed different artistic directions, both within the electronic genre.
Fritz has been offering some electronic joys since his first album Here Today Gone Tomorrow (2010), providing warmer, soulful melodies and full of electro beats, from which the single In this Game questions us on which extent are we ready to change who we are in this game that a relationship is. Sometimes in the ups and downs of saturated relationships the sentence Desire to find a chance to change who we’ve become is more than perfect, but wishing is not enough and we all know that. This is where the refrain comes in, which picks up any player who wins, loses, runs and bleeds, which is not more than telling us that success depends on what you want to achieve, you do not need to play (but you will not win either anything!).
This is then the theme for Monday's page, coming from the cold lands of Germany, but that is going to fit in your hot, sunny and captivating days.

Autoria e outros dados (tags, etc)

note

(Português)
Devido à nova imagem do blog, todos os posts anteriores a 2017 podem surgir com formatação diferente. Um novo ano, uma nova vida, nova música, nova imagem!

(English)
Due to the new image, all posts prior to 2017 may come up with a different format. A new year, a new life, new music and new image!




back to music & Spotify

Subscreve/Subscribe Playlist

Back to Music,Love & Lifestyle on Spotify!


Passatempo


back to music & the web


Thank You's

 

Sapo Destaques - 27.04.17

Sapo Destaques - 16.04.17

 

 





back to music & love

Follow